O enquadramento legal do caso ou, no caso, a falta dele

É bonito sim senhor. Senão vejamos:
 
Isabel Lestra Gonçalves, vogal do CD da FPF explicou, em vídeo, como se processou a decisão de manter o FC Porto na Taça herculano, aplicando-lhe aquela coimazita de 383 euros e aqueloutra repreensãozinha por escrito. Por quase unanimidade, não foi um ‘ puxãozinho de orelhas ‘…

‘ Esta decisão não foi tomada por unanimidade, havendo um voto vencido entre os cinco conselheiros que tomaram parte no processo. No entanto, todos concordaram não estar em causa a continuidade do FC Porto nesta prova, pois foi unanimemente considerado não provado qualquer conduta dolosa com o intuito de prejudicar terceiros. ‘

 
E melhor ainda:
 
Ficamos a saber que a divergência entre os senhores conselheiros teve que ver com o ‘ enquadramento legal do caso’, i.e., ‘ A maioria deste conselho entendeu que o regulamento da Taça da Liga e o regulamento disciplinar da Liga AINDA NÃO ESTÃO DEVIDAMENTE COMPATIBILIZADOS, no sentido de permitir aplicar a esta competição, entre outras, a norma do artigo 116 do regulamento disciplinar ‘ .
Lindo! Maravilhoso! Boa! Original?
Então não é que a Liga emite um parecer que só pode ser julgado numa instância superior que não em sua sede – o Conselho de Disciplina da FPF e depois ficamos a saber que o regulamento da taça herculano ainda não está DEVIDAMENTE COMPATIBILIZADO  com o regulamento disciplinar da Liga?
Poderíamos nós ter melhor que isto? Nah, não poderíamos e como sempre, isto tem aquela explicação famosa e que dá sempre jeito utilizar:
‘ É Portugal! ‘
( vamos ver se este ‘ caso ‘ faz jurisprudência… é que nunca se sabe o que o futuro nos reserva )

Tags: , , , ,

About Porta 10A

À direita das coisas, Sportinguista convicto, teimoso quanto baste, inventivo, apaixonado, Pai babadíssimo, sempre em família, sempre com Amigos. Adoro artes em especial a fotografia e a pintura. Gostava de ter sido Arquitecto, mas a matemática era tramada. Depois Jornalista, mas não deu. Adoro escrever. Sobre desporto e política, ou sobre uma coisa qualquer. Cristão, crente em Deus, não pratico porque acho que a melhor relação com Ele é directa. Adoro música e existem canções para todos os nossos estados de alma. E isto tudo, sou eu...

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: