A taça do herculano que nasceu torta e jamais se endireitará

É um  nome bonito para lhe chamarmos a partir de amanhã. Esta competição ranhosa ( desde o primeiro dia ) que outrora já foi chamada da taça lucílio, da cerveja e mais recentemente do mota, passará a ter um novo ‘ nick name ‘: a ‘ taça do herculano ‘. Parece bem. Soa bem, até porque Herculano é um nome bonito e típico. Claro que é tudo isto, mas nota-se o seu toque ‘ a norte ‘… Também me parece que será mais fácil de comercializar a taça herculano como ‘ naming ‘ e assim, aos pontapés, chegarão multi sponsors com muitos milhões para estoirar na taça. Vou repetir: ‘ taça do herculano ‘. Muito bom. Que nome forte e que comunica tão bem. Um sucesso garantido para o futuro da competição.

Ao que tudo indica, estes dias de atraso na decisão, são só para entreter os distraídos, mas pronto! No dia 21 escrever-se-á mais uma belíssima página da bola indígena, igual a tantas outras já redigidas e tão douradas quanto vitaminadas a fruta.

Ao Sporting Clube de Portugal restarão apenas duas coisas:

– recorrer da decisão e fazer tudo o que estiver ao seu alcance para ‘ empatar ‘ propositadamente a meia-final em falta até às ‘ calendas gregas ‘, assim tipo ‘ à herculano ‘ e tirar o resto da dignidade à prova;

– cumprir a promessa de alinhar na competição apenas com os miúdos, uma vez que aquilo é uma competição para putos. A organização de praceta, que dizem que é feita por uma espécie de liga  ( a norte por mero acaso ), fará o resto. E o que é o resto?  Punir o Sporting por desrespeito à competição em primeira instância e depois mandar para o herculano que o herculano decide. Rápido, certinho e sem demoras na instância em que ele manda e é o todo-o-poderoso.

E assim, cantando, rindo e assobiando para um lado qualquer ( especialmente se esse lado for virado para o lado contrário do sul ), haverá um herculano qualquer a acabar com este martírio da taça herculano.

Afinal a taça herculano é uma coisa que não vale uma beata mal apagada…

Tags: , ,

About Porta 10A

À direita das coisas, Sportinguista convicto, teimoso quanto baste, inventivo, apaixonado, Pai babadíssimo, sempre em família, sempre com Amigos. Adoro artes em especial a fotografia e a pintura. Gostava de ter sido Arquitecto, mas a matemática era tramada. Depois Jornalista, mas não deu. Adoro escrever. Sobre desporto e política, ou sobre uma coisa qualquer. Cristão, crente em Deus, não pratico porque acho que a melhor relação com Ele é directa. Adoro música e existem canções para todos os nossos estados de alma. E isto tudo, sou eu...

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: