Praceta Futebol Clube

O Praceta Futebol Clube ( PFC ) faliu mesmo antes ser um clube a sério, estoirados que foram os cerca de 100 escudos da caixa, convertidos em rajás numa bela tarde de Verão. O que era um projecto para um clube grande ( mais que não fosse o maior lá das ruas ), foi-se em forma de fizzes, cornettos e outros gelados que a gulodice de dois estarolas derreteu.

A maior contribuinte e a 2ª maior contribuinte do PFC, a Mummy Salomé e a Paula respectivamente, nem sequer tiveram direito a provar os gelados. Elas que foram o BES da nossa equipa, elas que punham as moedas nas caixinhas da IFF ( ndr International Flavours and Fragrances ) viram, sem ter visto, o final do clube que patrocinavam.

O campo do PFC era de alcatrão e tinha as medidas regulamentares de um 2 para 2 e, por vezes, um 3 para 3. Num dos cantos e logo numa zona tão sensível e específica do campo, estacionava um BMW 2002 do vizinho com a pequena particularidade de ser de cor amarelo canário. E logo ali, naquele canto. Era muito arreliador ficarmos sem a nossa zona do canto superior direito, isto quando se estava virado para norte. De tal maneira era arreliador, que num daqueles dias em que tínhamos que inventar alguma coisa para fazer, inventámos a forma de estragar as fechaduras do velho BMW, enchendo-as de palitos e fósforos. Não foi remédio santo porque o raio do carro lá continuou, mas que chateámos o dono, lá isso chateámos.

Na praceta de hoje, que é a mesma, há carros em todo o campo, em todas as linhas, nas balizas…

O PFC foi um clube com os números das camisolas ( azuis escuros ), mas sem camisolas. Tínhamos a esperança de um dia ter camisolas, acho que brancas ou se calhar amarelas, onde colocaríamos aqueles números mágicos de jogador. Não fora o dinheiro gasto naquela tarde…

Também tivemos um emblema, creio que inspirado no do Estoril-Praia. Fizemos algumas versões e depois escolhemos aquele que nunca haveria de sair do papel quadriculado. Mas puxámos pela imaginação e criámos o nosso clube imaginário com emblema e tudo.

O PFC teve balizas de ferro, embora os donos das obras as deixassem de ter onde elas eram precisas. Eram aqueles suportes onde se trabalhava o ferro. E que depois eram cobertos por rede dos sacos de batatas pedidos na mercearia. Aqui pedíamos, não desviávamos. E que belas balizas eram aquelas onde nós marcámos tantos golos. Tantos quantos o Manuel Fernandes, o Jordão, entre outros que admirámos e quisemos imitar.

Havia um pinhal por trás da baliza norte ( hoje só há casas… ) e era na base dessas árvores que íamos levantar bocados de erva que eram transformados em frondosos relvados do nosso estádio. Ideia que não lembraria a nenhum miúdo de hoje, porque os relvados estão na playstation, mas muita bola nós chutámos naqueles tufos de erva. Perdão, de relva.

As bolas de futebol nunca foram um problema, pois sempre as tivemos. Às vezes eram estraçalhadas por quem já sabemos. Certo dia, uma vidraça meteu-se à frente da chincha e não teve um final feliz. Ainda por cima era da casa da Mummy. Também houve muitas flores do seu quintal que não resistiram aos remates transviados dos jogadores do PFC, mas nunca deixou de haver futebol naquele estádio. Algumas quezílias entre amigos, birras de levar a bola para casa, outros tantos joelhos esfolados, mas sempre com a redondinha aos saltos.

E quando não havia derby, clássico ou jogo grande na praceta, jogávamos aos centros ou aos remates à baliza. E esta era a tal porta da garagem que viu a sua superfície branca marcada pelas bolas que o guardilhas não defendia. E algumas vezes os guarda-redes da garagem até defendiam com luvas.

Eram assim as tardes dos tempos gloriosos do Praceta Futebol Clube, o dream team da nossa infância, do clube que nunca chegou a ser.

Mas era daqui que saíamos para ver o Estoril-Praia e aí voltávamos para jogar à bola. Era o desporto de eleição, mas havia outros. Pode ser que um dia destes escreva sobre os jogos sem fronteiras ( ideia da Paula ), o pião, o bilas, o espeta e outros que fazíamos no melhor local do mundo para as nossas brincadeiras: a praceta.

Anúncios

Etiquetas:, , , , , , , ,

About Porta 10A

À direita das coisas, Sportinguista convicto, teimoso quanto baste, inventivo, apaixonado, Pai babadíssimo, sempre em família, sempre com Amigos. Adoro artes em especial a fotografia e a pintura. Gostava de ter sido Arquitecto, mas a matemática era tramada. Depois Jornalista, mas não deu. Adoro escrever. Sobre desporto e política, ou sobre uma coisa qualquer. Cristão, crente em Deus, não pratico porque acho que a melhor relação com Ele é directa. Adoro música e existem canções para todos os nossos estados de alma. E isto tudo, sou eu...

One response to “Praceta Futebol Clube”

  1. Rui Almeida Rodrigues says :

    Emocionante texto este sobre o PFC, clube que transportei para para o meu Tapete imagiário onde com uns bonequinhos do Ludo simulava jogos fantásticos de Futebol.

    O PFC em minha casa, na minha privacidade, rivalizava com o Benfica e com o FC Porto, com o Sporting a coisa piava mais fino, ganhavam à vez.

    Importante reter neste texto, é que fomos crianças felizes, tivemos direito a um Espaço onde eramos Reis e Senhores … a Praceta.

    Esse espaço permitiu-nos dar asas à imaginação e ao Imaginário, afinal o berço dos Sonhos de qualquer Criança, nem todas têm esse mesmo direito e essa incomensurável fortuna … Ter uma Praceta.

    Os nossos Filhos escreverão sobre tardes incríveis nos Parques de Crianças hoje espalhados por todo o lado, que representam o afunilamento da Infância, confinada a um espaço comum.

    A Praceta representa as nossas raízes, o local de onde saíamos para ir ver o Estoril Praia, o local de onde partimos para a vida, a vida depois da Infância.

    Tenho a felicidade e a riqueza de poder ir ao local de onde parti, a Praceta de onde saímos para a Vila, para o Concelho, para a Cidade e para o Mundo.

    Amanhã às 16 horas, lá estarei … na Praceta, para mostrar à minha Filha e à minha Mulher, de onde parti e que caminho percorri vezes sem conta … rumo ao António Coimbra da Mota.

    Grande Estoril Praia, Estoooooril !!!!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: